Educação Escolar: O Choque do Currículo oculto e a informação

Talvez você tenha reparado que atualmente, ou sendo mais generalista nos ultimos 10/15 anos tem sido muito mais árduo conseguir um emprego. As empresas estão cada vez mais exigentes, querendo e cobrando muito pagando pouco minando bastante a possibilidade de colocação dos jovens no mercado de trabalho…..desculpa a introdução bosta e pouco chamativa, mas creio que o assunto sera interessante.

Quando o mundo começou a transformação migrando o trabalho do campo para a industria, concluiu-se que era bastante dificultoso a domesticação de jovens pós ou em idade de puberdade , habituadas com os trabalhos e rotinas rurais ou artesanais em operários de fabrica realmente úteis.

A solução encontrada para isso a educação industrializada, em seu desenvolvimento desde muito jovens já estavam acostumadas com os moldes industriais. Eram ensinadas português, matemática, historia e poucas outras disciplinas. Se de uma parte estavam a receber educação e instrução, eram para posteriormente serem convertidos em cidadãos produtivos, ou uteis para os novos moldes da sociedade que estava a emergir.

O currículo oculto, são características que ainda se cobra muito dos trabalhadores hoje são eles:

1- Pontualidade

2- Obediência: que como sabemos esta muito mais ligado submissão.

3- Capacidade logica e costume de aprendizagem para Captar as instruções da função mecânica que passaria toda, ou grande parte da sua vida executando, ala Charlie charplin.

O brasil é um país preso na fase industrial, com pé na pós moderna escravidão, e pessoas em todas as escalas olhando somente o microcosmo, que cabe na circunferência do seu próprio umbigo, e esquecem do macro, enquanto não mudarmos isso seremos para sempre os índios contentes com espelhos portugueses.

Rafael Gomes

Essa roupa vestiu bem a sociedade durante longos anos, e de certo, foi eficaz, ao menos no que se diz respeito ao lado da empresa.

Porém a industria hoje, esta bem mais complexa, e requer cada vez pessoas mais capazes, e experientes. Mas aqui entramos em loop com uma realidade confusa. Você precisa ser capacitado, mas precisa ter experiencia porem só contrato com experiencia. A falta de planejamento com relação a industria da educação universitária contribui para um desequilíbrio total entre oferta e demanda, onde se produz muita força de trabalho com poucas oportunidades. Assunto que é ligado até o amago com politica e geopolítica. O brasil é um país preso na fase industrial, com pé na pós moderna escravidão, e pessoas em todas as escalas olhando somente o microcosmo, que cabe na circunferência do seu próprio umbigo, e esquecem do macro, enquanto não mudarmos isso seremos para sempre os índios contentes com espelhos portugueses, isso na geopolítica, quanto na politica e relações domesticas, a nível brasil. Somos um povo porco, talvez seja herança portuguesa. Nos achamos malandros, enquanto nos autodestruímos em diversos níveis.

Isso era pra ser um post, mas virou um desabafo. Aceito sugestões de temas, ou reclamações da pauta que posta aqui.

Referencia utilizada: Minha cabeça e o

livro: A terceira onda do escritor Alvin Toffler

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.